NOSSAS REDES

DENÚNCIA

Em Tarauacá, internautas criticam quadra abandonada, e Secretaria Municipal de Esporte se mantém em silêncio

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Nas redes sociais, internautas criticam atos de vandalismo e descaso do poder público com quadra de grama sintética, construída com dinheiro público.

“Isso é vandalismo e não culpa da administração“, afirmou um internauta.

Secretaria Municipal de Esportes de Tarauacá não se manifestou sobre as denúncias.

Em Tarauacá, os moradores do Bairro Novo e Copacabana, receberam no dia 27 de fevereiro de 2016, uma quadra de grama sintética. A quadra recebeu o nome do falecido José Luiz de Souza, mas conhecido como “Decão”, um grande desportista de Tarauacá.

Atualmente a quadra “Decão” se encontra subutilizada e com indícios de atos de vandalismo e abandono, tanto por parte da Secretaria Municipal de Esportes, quanto pela comunidade local.

A imagem pode conter: planta e atividades ao ar livre

Semana passada, circularam nas redes sociais, imagens da quadra, e nas fotos percebe-se atos de vandalismo e descuido da própria comunidade, inclusive.

COMUNIDADE LOCAL NÃO CONSERVA

Na época em que a quadra foi entregue, o Erivandro Sobralino, que era presidente da associação dos moradores afirmou compromisso, que iria cuidar da quadra dada à comunidade. O que não foi feito.

OMISSÃO DO PODER PÚBLICO

O poder público municipal, através da Secretaria Municipal de Esportes ou Secretaria Municipal de Administração, não se manifestou quanto às denúncias de descaso envolvendo a quadra, que segundo informações compete ao município manter e conservar.

FALTA DE SENSO DE RESPONSABILIDADE COMPARTILHADA

O Portal Acre.com.br visitou o local, e constatou que os moradores locais também não zelam pela quadra. Há um forte sentimento e uma forte impressão por parte dos moradores locais que a responsabilidade é exclusiva da Prefeitura. Os moradores não possuem o senso de responsabilidade compartilhada pela conservação da quadra. Não entendem que a população tem o dever de fiscalizar o patrimônio público.

Se a Prefeitura ou a Secretaria de Esportes não cuida, nós também não vamos cuidar. Eles que devem fiscalizar. Lá tem gente que usa até drogas. Nunca veio ninguém da prefeitura aqui ver ou falar com a gente“, disse Henrique Nascimento, de 17 anos, residente nas proximidades da quadra.

O vereador Diógenes Fernandes também denunciou o descaso nas redes sociais, dizendo “Essa é a triste realidade das nossas quadras de Grama Sintética no nosso município“.

No Facebook, o internauta F Salles Ksbtv afirmou “isso é vandalismo e não culpa da administração“.

A imagem pode conter: planta, sapatos, atividades ao ar livre e água

DENÚNCIA

Consumidores lotam praça da Energisa na OCA após aumento na conta de energia

Ac24horas, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Após uma avalanche de reclamações nas últimas semanas devido a um suposto aumento desenfreado na tarifa de energia elétrica em Rio Branco, centenas de consumidores procuraram a praça da Energisa situada na OCA, nesta segunda-feira, 30, para tratar questões relacionadas ao aumento da conta referente ao mês de agosto e setembro.

O deputado estadual Edvaldo Magalhães (PCdoB) divulgou em suas redes sociais o registro do repórter fotográfico Juan Diaz, que capturou o movimento dos consumidores na OCA, onde registraram indignações com os preços das contas de energia. “Um verdadeiro golpe da Energisa nos consumidores. Precisamos ampliar esse movimento!”, escreveu o parlamentar.

Na semana passada, a direção do Grupo Energisa no Acre se reuniu com os deputados locais para prestar esclarecimentos sobre a problemática. Na Assembleia Legislativa do Acre, foi instaurada uma CPI para averiguar a situação de suposto aumento abusivo na tarifa.

Em nota, a distribuidora falou que o aumento se deve a incidência da bandeira vermelha. O diretor da Energisa disse na Aleac que “o que dificulta a leitura das contas muitas vezes é que a população joga pedras, agride os funcionários e até atira nos carros dizendo que estão sendo roubados”, justificou Ricardo Xavier.

Continue lendo

DENÚNCIA

ROBERTO DUARTE DENUNCIA O ABASTECIMENTO DE BARCOS DE FORMA IRREGULAR EM CRUZEIRO DO SUL

Assessoria, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Durante a sessão desta terça-feira (03), na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac),o deputado Roberto Duarte (MDB) em seu pronunciamento denunciou que os barcos continuam sendo abastecidos de forma irregular no Porto de Cruzeiro do Sul. O parlamentar frisou que, mesmo após o anúncio feito pelo governo do Estado de que o abastecimento dos barcos teria que ser feito com acompanhamento do Corpo de Bombeiros, a prática ilegal continua acontecendo na região.

“Recebi fotos que comprovam que os barcos continuam sendo abastecidos de maneira ilegal em Cruzeiro do Sul, sem nenhum tipo de fiscalização. As imagens mostram um caminhão tanque abastecendo barcos em condições precárias naquela região, isso é um absurdo. Providências precisam ser tomadas”, disse.

Roberto Duarte relembrou a explosão em uma embarcação que deixou 18 pessoas gravemente feridas, no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul. O barco transportava mercadorias, pessoas e combustível para os municípios de Porto Walter e Marechal Thaumaturgo.

“Pensei que esse trágico acidente serviria de exemplo, que as pessoas seriam mais cuidadosas e agiriam com mais responsabilidade.” Acrescentou o deputado.

O parlamentar sugeriu ainda a construção urgente de um porto exclusivo para o abastecimento de combustível em Cruzeiro do Sul, que ofereça uma infraestrutura de segurança, tanto para quem vai abastecer, quanto para os tripulantes das embarcações.

Continue lendo

Super Promoções

WhatsApp chat