NOSSAS REDES

ACRE

Jovens criminosos que praticaram chacina sentarão no banco dos réus

Gecom TJAC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Jovens acusados de triplo homicídio no bairro Novo Horizonte são pronunciados.

A chacina impactou a sociedade acreana, uma vez que o ataque resultou na morte de três jovens.

Foto de capa: Duas das três vítimas que foram mortas durante a ação criminosa. 

O Juízo da 2ª Vara do Tribunal do Júri e Auditoria Militar pronunciou três acusados, que serão submetidos a julgamento por homicídio consumado e homicídio tentado contra quatro vítimas, no bairro Novo Horizonte, em Rio Branco. Os réus são acusados de chacina ocorrida em fevereiro de 2018.

A pronúncia contra M.M.C., L.F.C.C. e L.F.L. foi publicada na edição n° 6.272 do Diário da Justiça Eletrônico (págs. 28-30), da última sexta-feira (11). De acordo com a denúncia, as vítimas tiveram mortes violentas, uma vez que os criminosos realizaram múltiplos disparos da calçada de uma casa em que ocorria um aniversário. Os infratores estão reclusos em unidade prisional.

A pronúncia

Segundo os autos, para concretizar o intento criminoso, os jovens roubaram, primeiramente, uma camionete de uma vítima que chegava a um bar, localizado no bairro Floresta. Armados, os jovens anunciaram assalto, amarraram a vítima e a abandonaram no ramal da Sinteac para, após, utilizarem o veículo para a chacina.  O carro roubado foi recuperado no dia seguinte, estacionado em frente a uma pizzaria. Ainda de acordo com os autos, durante os disparos, três vítimas morreram e uma ficou feriada.

Deste modo, o Juízo confirmou os indícios da materialidade das infrações penais pelos depoimentos testemunhais, laudos cadavéricos, prontuário médico da vítima socorrida, termo de apreensão do veículo roubado, confissão parcial dos acusados, laudo da perícia papiloscópica, relatório da investigação policial e termo de reconhecimento fotográfico dos acusados.

Assim, o Júri Popular irá ponderar sobre as acusações e incidência de qualificadoras, conforme apresentada na denúncia, sendo os crimes previstos no artigo 157, §2º, incisos I, II e V, artigo 121, §2º, incisos I, IV e V, artigo 121, §2º, incisos I, IV e V, combinado com o artigo 14, inciso II, todos do Código Penal. Fonte: Gecom TJAC. 

ACRE

Bebê morto é encontrado dentro de lixeira no Centro de Rio Branco

G1AC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

 

O corpo de um bebê morto foi encontrado dentro de um saco dentro de uma lixeira, na Praça da Bandeira, no Centro de Rio Branco. O fato ocorreu no dia 1° de abril e a polícia informou que o corpo ainda estava com o cordão umbilical.

De acordo com a delegada Lucélia Martins, coordenadora da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), a perícia técnica foi acionada e o laudo cadavérico deve apontar se trata-se de um feto, ou de recém-nascido. Mas, a principal suspeita é de que seja de um feto de aproximadamente seis meses de gestação.

Ainda conforme a delegada, a Polícia Militar chegou até o corpo depois de uma chamada através do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).

“A investigação está em curso de forma que todos os dados estão sendo levantados e checados, objetivando o esclarecimento dos fatos e, em caso de constatação de situação criminal, os autores vão ser responsabilizados”, informou a delegada.

Lucélia disse que os fatos são investigados para depois saber se foi um crime ou não. Após isso, e a divulgação do laudo, será possível saber se o bebê nasceu vivo, ou se teria sido um aborto.

Casos

Em quatro meses, este é o segundo corpo de bebê encontrado no lixo. Em dezembro de 2018, um gari encontrou um bebê dentro de um saco de lixo enquanto fazia a transposição de lixo, próximo ao Comando da Polícia Militar do Acre, no Centro de Rio Branco.

A polícia ainda investiga o caso. O laudo cadavérico

Continue lendo

ACRE

Rio Branco: casada apanha em academia após “flash back” com personal “pegador”

Acjornal, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Uma mulher casada apanhou feio, dentro de uma academia de Rio Branco, frequentada por gente de classe média alta, na tarde desta segunda-feira. Um personal trainer é o pivô da briga que chamou atenção dos frequentadores e se espalhou redes sociais muito rapidamente.

O instrutor havia se relacionado com uma das envolvidas, mesmo ele sendo casado e ela também. Após o rompimento, o rapaz, bastante cobiçado entre as beldades que frequentam o ambiente, decidiu assumir o romance com uma jovem que também faz malhação naquela academia.

A namorada atual teria descoberto um “flash back” do rapaz com a ex dele, com direito a troca de nudes pelo aplicativo Whatsapp.

Áudios que vazaram na Internet relatam que as duas mulheres estavam fazendo esteira quando a confusão começou.

A academia não se manifestou.

Continue lendo

VOTE NA ENQUETE

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco