NOSSAS REDES

ACRE

Justiça Acreana condena empresa por erro em anunciar universitária como garota de programa

Gecom TJAC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Universitária deve ser indenizada em R$ 6 mil por divulgação de propaganda erótica com seu nome e telefone.

Responsabilidade do reclamado é objetiva, de acordo com os termos do Código de Defesa do Consumidor.

O 1º Juizado Especial Cível da Comarca de Rio Branco condenou a Telelistas.net a indenizar uma universitária em R$ 6 mil, por divulgar propaganda erótica com seu nome e número de telefone. A decisão estabeleceu ainda prazo de 15 dias para a exclusão definitiva do referido anúncio.

Nos autos, a moça relatou todos os transtornos decorrentes do fato, como ligações insistentes e inapropriadas, além da exposição vexatória junto às pessoas de seu convívio, principalmente na universidade.

A juíza de Direito Lilian Deise, titular da unidade judiciária, asseverou que a demandada pautou-se sem o cuidado exigível na prestação de seus serviços, violando os preceitos estabelecidos no Código de Defesa do Consumidor.

O ato ilícito está configurado pela conduta omissa e desidiosa da ré. A magistrada explicou, por fim, que cabia aos responsáveis pelo site demonstrarem que a autora era responsável pela inserção do anúncio, o que não ocorreu.

Da decisão cabe recurso.

ACRE

Bebê morto é encontrado dentro de lixeira no Centro de Rio Branco

G1AC, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

 

O corpo de um bebê morto foi encontrado dentro de um saco dentro de uma lixeira, na Praça da Bandeira, no Centro de Rio Branco. O fato ocorreu no dia 1° de abril e a polícia informou que o corpo ainda estava com o cordão umbilical.

De acordo com a delegada Lucélia Martins, coordenadora da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), a perícia técnica foi acionada e o laudo cadavérico deve apontar se trata-se de um feto, ou de recém-nascido. Mas, a principal suspeita é de que seja de um feto de aproximadamente seis meses de gestação.

Ainda conforme a delegada, a Polícia Militar chegou até o corpo depois de uma chamada através do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).

“A investigação está em curso de forma que todos os dados estão sendo levantados e checados, objetivando o esclarecimento dos fatos e, em caso de constatação de situação criminal, os autores vão ser responsabilizados”, informou a delegada.

Lucélia disse que os fatos são investigados para depois saber se foi um crime ou não. Após isso, e a divulgação do laudo, será possível saber se o bebê nasceu vivo, ou se teria sido um aborto.

Casos

Em quatro meses, este é o segundo corpo de bebê encontrado no lixo. Em dezembro de 2018, um gari encontrou um bebê dentro de um saco de lixo enquanto fazia a transposição de lixo, próximo ao Comando da Polícia Militar do Acre, no Centro de Rio Branco.

A polícia ainda investiga o caso. O laudo cadavérico

Continue lendo

ACRE

Rio Branco: casada apanha em academia após “flash back” com personal “pegador”

Acjornal, via Acrenoticias.com - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Uma mulher casada apanhou feio, dentro de uma academia de Rio Branco, frequentada por gente de classe média alta, na tarde desta segunda-feira. Um personal trainer é o pivô da briga que chamou atenção dos frequentadores e se espalhou redes sociais muito rapidamente.

O instrutor havia se relacionado com uma das envolvidas, mesmo ele sendo casado e ela também. Após o rompimento, o rapaz, bastante cobiçado entre as beldades que frequentam o ambiente, decidiu assumir o romance com uma jovem que também faz malhação naquela academia.

A namorada atual teria descoberto um “flash back” do rapaz com a ex dele, com direito a troca de nudes pelo aplicativo Whatsapp.

Áudios que vazaram na Internet relatam que as duas mulheres estavam fazendo esteira quando a confusão começou.

A academia não se manifestou.

Continue lendo

VOTE NA ENQUETE

Super Promoções

ACRE.COM.BR ©2017-2019 - Todos os direitos reservados. Diretora Geral: Fernanda da Silva Alfaia

Fale Conosco