NOSSAS REDES

CRISE

Nota de Esclarecimento

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O diretor da Rádio Difusora de Tarauacá, Albanir Morais, funcionário da Secom – AC vem em público esclarecer sobre matéria publicada em um site de notícias narrando algumas inverdades a respeito da Rádio Difusora de Tarauacá.

A princípio quero afirmar que, a programação da Rádio Difusora de Tarauacá não está sendo transmitida de forma irregular, em razão de que a Rádio Aldeia FM 95.5 faz parte do Sistema Público de Comunicação do Governo do Estado Acre.

A Rádio Difusora AM está fora do ar por problema técnico em seu transmissor e, por ser ainda de sinal analógico tem-se certa dificuldade de encontrar a peça no mercado atual, sendo necessário fazer encomenda para adquiri-la.

Nesse sentido, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Comunicação já está tomando as providências para que em breve a Difusora de Tarauacá volte a operar com sua programação normal.  

Quanto ao valor simbólico de 1,00 (um real) recebido por mensagem para divulgar 2X cada, se estabeleceu desde quando a Difusora foi ao ar, há mais de 25 anos.

Para finalizar, me coloco à disposição de qualquer usuário dos serviços da Difusora de Tarauacá bem dos próprios ouvintes para outros esclarecimentos, quando se fizer necessário.

Albanir dos Santos Morais

Diretor da Rádio Difusora de Tarauacá

CLIQUE AQUI PARA ENTENDER A DENÚNCIA

Advertisement
Comentários

Comente aqui

Concurso

Prefeito de Cruzeiro do Sul exonera quase 200 comissionados

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Prefeito de Cruzeiro do Sul exonera quase 200 comissionados no interior do Acre — Foto: Gledson Albano/Rede Amazônica Acre

Continue lendo

ACRE

Em Tarauacá, sem pães no café da manhã, pacientes e servidores do Hospital Sansão Gomes passam fome

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Boa parte das empresas fornecedoras de alimentação do estado tiveram um ano difícil. Muitas, ainda tem a receber da gestão passada, mais de um ano após o fim do governo de Sebastião Viana.

Além do débito do antigo governo, o atual também não estaria pagando em dia. Com isso, existem empresas com até seis meses de pagamento atrasado.

Uma delas não aguentou mais e tomou uma medida drástica na manhã desta sexta-feira, 3. O velho e bom pãozinho de todas as manhãs não chegou até os pacientes e funcionários do Hospital Sansão Gomes em Tarauacá.

A reportagem do ac24horas entrou em contato com a diretora da unidade de saúde, Laura Pontes.

Foto pública [reprodução Facebook/Arquivo pessoal]

Visivelmente irritada com o vazamento da informação, a gestora chegou a afirmar que o corte de fornecimento de pão para a unidade de saúde não seria um assunto de interesse da população, mas acabou confirmando a suspensão da alimentação.

No entanto, garantiu que o pão foi substituído por bolacha e que nenhum paciente ou servidor ficou sem café da manhã. Quanto ao corte do fornecimento pela empresa, Laura se limitou a responder que cumpre seu papel de gestora da unidade e que os pagamentos são de responsabilidade da Secretaria Estadual de Saúde. A Sesacre ainda não se pronunciou.

Continue lendo

+30 mil seguidores

TOP MAIS LIDAS

Advogados Online